Associação civil que administra a vida social da Vila Céu do Mapiá. Está organizada na forma de Gestorias, que coordenam É detentora de convênios ao nível municipal e estadual que permitem  a manutenção de uma escola de ensino fundamental de 1º grau e um posto de saúde  na comunidade. Participa juntamente com o Instituto CEFLURIS do Conselho Consultivo das FLONAS do Purus e do Mapiá- Inauini.

Está organizada na forma de um Conselho Administrativo, de uma secretaria geral e de Gestorias que coordenam o trabalho dos diversos setores e serviços públicos essenciais da comunidade, como abastecimento, saúde, educação, transporte, etc.

A AMVCM , criada em 1987, presta um serviço relevante para a população da Vila Céu do Mapiá e também do seu entorno. Isto não é uma tarefa fácil, devido a falta de recursos públicos e o difícil acesso onde ela se encontra. Portanto ela enfrenta todos os problemas e desafios de uma pequena cidade e nenhum recurso do fundo de participação dos municípios. Isto mesmo sendo o segundo assentamento populacional do município de Pauni, logo após  sua sede na cidade do mesmo nome.

Esta tem sido a luta histórica da Associação de Moradores: obter da Prefeitura de Pauini, os recursos que são disponibilizados pela União para os municípios e que deveriam ser repassados  para assentamentos, bairros e vilas, na proporção de seu contingente populacional e expressão política. O que torna-se mais necessário na medida em que  os benefícios gerados por este fundo quase nunca chegam  nestes locais mais isolados da sede.

Mesmo assim, a Associação, com o apoio das demais instituições, tem conseguido encaminhar o acesso da população da Vila e pequenas comunidades ribeirinhas aos programas e benefícios do governo federal, tais como o Bolsa família, aposentadorias, etc. 

Menu